Vacina contra HIV falha em teste

A nova vacina da Merck, que visava aumentar a produção de células-T para incrementar o sistema imune no combate ao vírus da Aids, fracassou em teste clínico. A vacina continha um vírus comum da gripe que carregava cópias de três genes do HIV.

O teste vinha sendo realizado desde 2005 em 3000 voluntários saudáveis, inclusive no Brasil. Metade deles tomava a vacina e metade placebo (grupo controle) e foi observado que não houve diferença entre o número de infectados pelo vírus nos dois grupos, ou seja, a vacina não foi capaz de impedir a infecção nem conter a multiplicação do HIV.

Apesar de decepcionante, certamente a notícia não desencorajará as pesquisas na área.

Textos relacionados

Merck abandona testes de vacina contra o HIV

Nova vacina contra a Aids fracassa em teste clínico

XI Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal – Florestas ou etanol?

No último Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal, realizado em Gramado de 09 a 14 de setembro, uma das palestras mais comentadas foi a ministrada pelo Prof. Marcos Silveira Buckeridge, da USP, intitulada “Florestas ou etanol: como a fisiologia vegetal pode ser estrategicamente usada para atingir a melhor escolha?” (traduzido). Para o professor, a mitigação da emissão de CO2 tem dois lados: a manutenção das florestas e dos serviços dos ecossistemas (sustentabilidade) e a produção de biocombustíveis.

Em estudos de sua equipe com jatobá, foi verifacado que esta espécie tem capacidade para seqüestrar CO2 e armazená-lo na forma de celulose, o que seria uma característica das espécies da amazônia, mas que varia de acordo com o processo de sucessão ecológica. Em pesquisas com cana-de-açúcar, também foi observado aumento da fotossíntese e, conseqüentemente, de biomassa, fibras e sacarose, apesar de ser uma planta C4.

No Brasil, ente 2005 e 2006, foram produzidos 400 milhões de toneladas de cana, sendo que 90% é constituído por água, ou seja, 40 milhões de toneladas correspondem à massa seca. Dessa massa seca, 40% é carbono, ou seja, 16 milhões de toneladas. Mas….. metade é para a produção de açúcar e as florestas tropicais absorvem 70 bilhões (!!!) de toneladas de carbono. Em suma, a produção de cana cobrirá 0,01% das florestas queimadas.

Existe uma maneira de minimizar o dilema manutenção das florestas x produção de etanol? Para o Prof. Buckeridge uma boa alternativa é a produção de cana com corredores de floresta, desta forma estariam garantidos a produção do biocombustível, um maior seqüestro de CO2 e os serviços do ecossistema. Este é o chamado “environmental friendly ethanol”, já implantado em alguns locais, como às margens da Rodovia dos Bandeirantes.

Mas, será tão simples assim? O que meus colegas biólogos acham?

Rastro de Carbono

Poluição
(retirado do educar.sc.usp.br)

Invadindo a área da Amanda…

Para aquelas pessoas que gostam de ler sobre os rumos das negociações na área do Aquecimento Global, protocolo de Kyoto, déficit de Carbono, etc… a minha sugestão é visitar o Blog Rastro de Carbono, escrito pela Bióloga Paula Signorini. É super completo e a partir de hoje é pauta obrigatória no nosso podcast, já que tem tudo a ver com tecnologia, direito e ciência!

Dia do biólogo

Este é um post curtinho, apenas para parabenizar meus colegas de profissão pelo dia do biólogo.

Meus cumprimentos a todos!

Episódio 7- Voto eletrônico, transmissão on line de julgamento e preservação da natureza

Garrafa Pet no meio do Rio Amazonas
(foto: Garrafa pet no meio do Rio Amazonas – foto: Jonny)

Com vários dias de atraso, aqui está o episódio 7!

00’00” – Voto nas eleições via internet [Sapere Aude] [Info & lei – Ostrock]
04’10” – Transmissão de julgamento pela internet e o excesso de publicidade
07’00” – Assembléia em Minas Gerais para decidir futuro de um macaco-prego
08’30” – Apreensão de animais criados para briga
10’00” – Cai o desmatamento no Brasil
13’30” – Destruição dos recifes de corais
15’00” – Proibição da utilização das garrafas pet

Downloads:
Episódio 7 (MP3, 64 kbps, 23′46″, 10,88 MB)

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Episódio 7 low (MP3, 16kbps, 23′46″, 3,18 MB)
Episódio 7 zip (ZIP, 64 kbps, 23′46″, 10,76 MB)

Novidade: Se você não tem banda larga, pode ouvir o podcast diretamente do Navegador clicando aqui (versão low)

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.