Decodificando 13 – Requentando velhas notícias

Protesto contra o projeto de lei do Azeredo, durante o Campus Party

Protesto contra o projeto de lei do Azeredo, durante o Campus Party - foto: Jonny ken

Depois de quase 2 meses e com um episódio “gravado e jogado fora”, cá estamos novamente, requentando algumas notícias que mexeram com a informática + ciência + direito nesse período de ausência!

De noite eu coloco todos os links de referências. Deixei os principais.

Mandem comentários via texto (ai em baixo) ou ou audio/mp3 para o usuário podcastdecodificando ARROBA gmail.com

Downloads (clique > para ouvir):
Episódio 13 (MP3, 64 kbps, 49′00″, 23,00MB)

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Episódio 13 baixa qualidade (MP3, 16kbps, 49′00″, 5,75MB) – Para conexão discada / celular.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Episódio 13 zip (MP3, 64 kbps, 49′00″, 22,75MB)

0’00” – Abertura: Renato Giovanny do http://podserateu.podcastbrasil.com/
1’00” – Prêmio Podcast

Prêmio podcast 2008

Prêmio podcast 2008 - Decodificando na categoria "Tecnologia"

3’00” – Luluzinha Camp – http://www.luluzinhacamp.com
4’00” – A quem pertence um trabalho intelectual desenvolvido por um funcionário?
7’00” – Liberação das pesquisas com células tronco embrionárias
11’00” – Propaganda eleitoral em Blogs
14’30” – Rodizio de caminhões em São Paulo
15’30” – Psiu – programa de silêncio urbano da cidade de São Paulo
17’30” – Bilhete único valendo por 3 horas – vantagens e desvantagens
19’30” – Diferença entre lei e decreto
22’00” – Dopping esportivo através de terapia gênica – Como combater?
- Puyo Puyo
27’00” – Liberação da construção de Angra 3
29’00” – Classificação etária de jogos & RPGs e proibição da venda de alguns jogos
34’00” – Ônibus de Porto Alegre disponibilizarão “celulares-orelhões”
35’00” – Apagão do Speedy Telefônica em São Paulo
38’30”Confusão entre o Daniel Dantas e Daniel Dantas
40’30” – As mudanças do projeto de lei de Cibercrimes do senador Azeredo
Leia: Dia de folga: Projeto de Cibercrimes – colocando os pingos nos is
Leia: Dia de folga: O Projeto de Lei de Cibercrimes (de novo) e outras coisas

44’00” – Furo do Cardoso: Senado paga R$40.000,00 por banner no site paraiba.com.br

Compartilhe este texto via Orkut Compartilhe este texto via Facebook Compartilhe este texto via Twitter Compartilhe este texto via UEBA

6 Comments so far

  1. Alexandre Sena on August 4th, 2008

    Bom podcast, boa “salada” de temas.

    Com relação a transporte público, no caso de São Paulo, a solução realmente é expandir a malha metroviária e apostar em corredores exclusivos de ônibus, tal como os de Curitiba. Andei no ônibus do corredor que passa pela Consolação e Av. Rebouças, é bem eficiente.

    Já a confusão entre o Daniel Dantas banqueiro e o ator ocorreu primeiro num jornal de Itabuna, no sul da Bahia. O Kibe Loco até postou uma reprodução da matéria, com uma foto antiga do ator (sem o bigode atual) sendo creditada como do banqueiro. Não sei porque o ator não processou esse jornal também. Imagino que ele deve ter pensado que um jornal de interior não tenha tanta repercussão nem dinheiro em caixa para bancar uma indenização milionária. Coisa que o jornal italiano tem.

    Retribuo o abraço à Amanda e extendo ao Jonny e à Dani. Espero vê-los no Blog Camp SP.

  2. Dan on August 7th, 2008

    Ohh yeahh! Podcast novo, atrasado, mas muito bom!

    Só quanto ao PSIU, até onde eu sei realmente é um decreto, mas existe a lei n° 11.501/94 que fala de silêncio e tal.

    Quanto ao “vizinho”, ele não está autorizado a fazer o barulho que quiser. Além das disposições do Código Civil, fazer barulho é considerado, também, contravenção penal. E olha que nem é mencionado horário nem nada.

    Art. 42, LCP – Perturbar alguém, o trabalho ou o sossego alheios:

    I – com gritaria ou algazarra;
    II – exercendo profissão incômoda ou ruidosa, em desacordo com as prescrições legais;
    III – abusando de instrumentos sonoros ou sinais acústicos;
    IV – provocando ou não procurando impedir barulho produzido por animal de que tem a guarda:

    Pena – prisão simples, de quinze dias a três meses

  3. Garota Geek on August 7th, 2008

    - Luluzinha camp: eu também vou!

    - O bilhete único com 3 horas de validade é válido somente para créditos comprados por usuários comuns, o crédito de estudante e o crédito que a empresa colocam não valem pra essa regra ainda.

    - Sobre a sopa de letrinhas do metrô, é porque vocês nunca trabalharam lá dentro… eu trabalhava na GIT/CAT… e lá tudo é assim!

    -

  4. Gisele on August 12th, 2008

    Caramba, eu não sabia que perturbar vizinho era crime como o Dan disse acima.
    Vou mandar o link para meu vizinho, o cara não me deixa em paz!

  5. Wallace on August 15th, 2008

    sobre a Lei do silêncio aqui no RJ, eu já tive que mudar horário de ensaio da minha antiga banda de rock por conta disso. O foda é que os mesmo vizinhos que reclamavam das guitarras, quando era aniversário de alguém lá botavam funk e pagode nas alturas até altas horas da madrugada…

  6. Thiago on August 25th, 2008

    Jonny, eu que sou aqui de São Bernardo do Campo voto em vc brother rsrs.

    Abraços, o podcast de vocês é ótimo.

Leave a reply